Brazilian Journal of Otorhinolaryngology Brazilian Journal of Otorhinolaryngology
Braz J Otorhinolaryngol 2017;83:574-9 DOI: 10.1016/j.bjorlp.2017.04.021
Artigo original
Speech perception performance of subjects with type I diabetes mellitus of noise
Desempenho da percepção de fala no ruído em indivíduos com diabetes mellitus tipo I
Bárbara Cristiane Sordi Silvaa, Erika Barioni Mantelloa,, , Maria Cristina Foss Freitasb, Milton César Fossb, Myriam de Lima Isaaca, Adriana Ribeiro Tavares Anastasioa
a Universidade de São Paulo (USP), Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), Departamento de Oftalmologia, Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Ribeirão Preto, SP, Brasil
b Universidade de São Paulo (USP), Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP), Divisões de Endocrinologia e Metabologia e Nutrição, Ribeirão Preto, SP, Brasil
Recebido 05 Maio 2016, Aceitaram 17 Julho 2016
Resumo
Introdução

O diabetes mellitus (DM) é um distúrbio metabólico crônico de várias origens, que ocorre quando o pâncreas deixa de produzir insulina em quantidade suficiente ou quando o organismo não consegue responder a esse hormônio de maneira eficiente.

Objetivo

Avaliar o reconhecimento de fala em indivíduos com diabetes mellitus tipo I (DMI) no silêncio e no ruído competitivo.

Método

Estudo descritivo, observacional e transversal. Foram incluídos 40 participantes de ambos os sexos entre 18 e 30 anos, divididos em um grupo controle (GC) de 20 indivíduos saudáveis sem queixas ou alterações auditivas, pareados por idade e sexo com o grupo de estudo, composto por 20 indivíduos com diagnóstico de DMI. Inicialmente aplicou‐se uma avaliação audiológica (audiometria tonal, logoaudiometria e imitanciometria) para todos os indivíduos; a seguir, os mesmos foram avaliados para o Limiar de Reconhecimento de Sentenças no Silêncio (LRSS) e Limiar de Reconhecimento de Sentenças no Ruído (LRSR), em campo livre, por meio do teste Lista de Sentenças em Português.

Resultados

Todos os participantes apresentaram audiometria tonal dentro dos padrões de normalidade bilateralmente, logoaudiometria compatível e curva timpanométrica do tipo A. A comparação dos grupos revelou uma diferença estatisticamente significante para LRSS (p=0,0001), LRSR (p<0,0001) e a relação sinal‐ruído (p<0,0001).

Conclusões

O desempenho dos indivíduos com DMI para LRSS e LRSR foi pior em comparação com os indivíduos sem diabetes.

Abstract
Introduction

Diabetes mellitus (DM) is a chronic metabolic disorder of various origins that occurs when the pancreas fails to produce insulin in sufficient quantities or when the organism fails to respond to this hormone in an efficient manner.

Objective

To evaluate the speech recognition in subjects with type I diabetes mellitus (DMI) in quiet and in competitive noise.

Methods

It was a descriptive, observational and cross‐section study. We included 40 participants of both genders aged 18–30 years, divided into a control group (CG) of 20 healthy subjects with no complaints or auditory changes, paired for age and gender with the study group, consisting of 20 subjects with a diagnosis of DMI. First, we applied basic audiological evaluations (pure tone audiometry, speech audiometry and immittance audiometry) for all subjects; after these evaluations, we applied Sentence Recognition Threshold in Quiet (SRTQ) and Sentence Recognition Threshold in Noise (SRTN) in free field, using the List of Sentences in Portuguese test.

Results

All subjects showed normal bilateral pure tone threshold, compatible speech audiometry and A tympanometry curve. Group comparison revealed a statistically significant difference for SRTQ (p=0.0001), SRTN (p<0.0001) and the signal‐to‐noise ratio (p<0.0001).

Conclusion

The performance of DMI subjects in SRTQ and SRTN was worse compared to the subjects without diabetes.

Keywords
Type 1 diabetes mellitus, Speech perception, Hearing, Auditory perception
Palavras chave
Diabetes mellitus tipo I, Percepção de fala, Audição, Percepção auditiva
Braz J Otorhinolaryngol 2017;83:574-9 DOI: 10.1016/j.bjorlp.2017.04.021